Quarta-feira, 30 de Janeiro de 2008

Dois ou três meses para o Pólis

Programa Pólis atrasado mas não esquecido!

 

Na passada semana, o Ministro do Ambiente, do Ordenamento do Território e do Desenvolvimento Regional afirmou assertivamente que o Programa Pólis Ria de Aveiro e os respectivos trabalhos relacionados com a sociedade Pólis terão início dentro de dois ou três meses.  

 

 

 

"De acordo com Nunes Correia, a solução para a Ria passa por uma intervenção alargada à barrinha de Esmoriz, cuja estratégia será candidatada ao Quadro de Referência Estratégico Nacional (novo pacote de fundos comunitários).
Recentemente, o presidente da Grande Área Metropolitana de Aveiro (GAMA) e da Associação de Municípios da Ria (AMRia), Ribau Esteves, reclamou urgência na constituição da sociedade Polis, com capacidade legal para intervir na ria. «Face ao estado de abandono da ria, a solução está na entidade que surja da tipologia Polis, anunciada e bem pelo ministro do Ambiente e que queremos que seja constituída o mais rapidamente possível», declarou."

Ribau Esteves, também Presidente da Câmara de Íhavo, reafirmou as suas críticas ao Governo pelo desleixo que a zona lagunar tem sofrido ao longo dos mandatos legislativos. Segundo Esteves, o Estado perdeu cerca de 600 mil euros por não arrecadar as taxas nominais, respectivas a licenças de amarração dos barcos, de mariscadores, de associações náuticas e taxas sobre edifícios das margens. O autarca de Ílhavo assevera «Chegou-se ao ponto do abandono até administrativo e o governo, que se queixa tanto da falta de dinheiro, nem as taxas dominiais de 2006 e 2007 conseguiu cobrar, que representam cerca de 600 mil euros, como era sua obrigação. Esperamos que as coisas mudem muito rapidamente».

O grupo sente-se agradado com a afirmação do Ministro, no entanto mostra-se um pouco reticente a este atraso no início do projecto Pólis. Esperemos que seja só e apenas um atraso!..

".." retirado de

http://www.diarioaveiro.pt/main.php?mode=public&template=frontoffice&srvacr=pages_13&id_page=3292

 

Postado por riadeaveirohc às 10:29
Link do post | Comentar | Adicionar aos Favoritos
|
Quarta-feira, 23 de Janeiro de 2008

Porto de Aveiro tem à venda nova frente urbana junto à Ria

A administração portuária tem à venda por 11 milhões de euros uma zona da antiga lota que no seguimento do programa polis vai ser agora urbanizada.
O espaço é de 120 mil metros quadrados que foram desanexados do domínio público e que agora integram o património do Porto de Aveiro como foi noticiado pelo diário de Aveiro na passada semana.
  

  

A câmara havia mostrado algum interesse em adquirir a área mas como não tem disponibilidade financeira para isso é a APA quem vai avançar para a venda, de forma a angariar fundos para realizar obras de acessibilidade marítima.
José Luís Cacho, presidente do porto de Aveiro, compreende as dificuldades da autarquia para adquirir a área mas refere que a avaliação foi feita por uma entidade independente quando deveria ter sido a câmara a estabelecer o valor dos terrenos.
Pensamos que o porto de Aveiro vem ganhar com esta venda e poderá melhorar substancialmente as condições de acessibilidade mas, à que ter em atenção as preocupações de José Cacho pois pode-se estar a agir sob falsa informação.
Postado por riadeaveirohc às 13:07
Link do post | Comentar | Ler Comentários (1) | Adicionar aos Favoritos
|
Quarta-feira, 9 de Janeiro de 2008

Bicicletas aquáticas invadem a Ria de Aveiro

Bicicletas Aquáticas chegam a Aveiro na Primavera

 

Na Primavera de 2008 as bicicletas aquáticas irão chegar aos canais centrais da nossa Ria. Este projecto é fruto do trabalho da MoveAveiro – empresa municipal de mobilidade – e da Media One – empresa que foi recentemente criada – com o objectivo de incrementar projectos na área da multimédia, publicidade e Internet.

Estas bicicletas, ao contrário das BUGA (Bicicleta de Utilização Gratuita de Aveiro) as bicicletas aquáticas requerem o pagamento de uma taxa de utilização. Estas bicicletas deverão ficar ancoradas na zona do Quiosque BUGA e virão a ser disponibilizas nos modelos de um e dois lugares.
Os percursos vão ser definidos assim que a Capitania do Porto de Aveiro aprove este projecto. Note-se que este inovador meio de transporte foi criado por Vítor David, que afirma que o desenvolvimento das bicicletas se tratou de um projecto que evoluiu por fases.
O grupo aplaude este tipo de iniciativas que só ajudam a progressão no desenvolvimento da nossa Ria de Aveiro. Contudo, perguntamos o que sucedeu com projectos semelhantes no passado (passado mandato autárquico) tais como o Táxi Ria?
Vale a pena pensar!...
 
Postado por riadeaveirohc às 12:04
Link do post | Comentar | Adicionar aos Favoritos
|
Quinta-feira, 3 de Janeiro de 2008

Avaliação do 1º período

Resultados da Avaliação do 1º Período de AP

A comissão organizadora solicitou a todos os participantes no Concurso "Cidades Criativas" que postassem nos seus blogs os resultados da avaliação do primeiro período na disciplina de Área de Projecto. Seguidamente apresentamos a nota de cada um dos membros do grupo de trabalho.

António Ricardo Oliveira - 17
João Filipe Francisco - 17
Luis Carlos Azevedo - 17
Pedro Alcaide - 17
Rui Jorge Monteiro - 17
  
 
Desejamos um óptimo ano 2008 para a organização assim como para os participantes do Concurso "Cidades Criativas".
Postado por riadeaveirohc às 22:04
Link do post | Comentar | Adicionar aos Favoritos
|
Terça-feira, 1 de Janeiro de 2008

A pesca na Ria de Aveiro pode ter rendido 47 milhões em 2006

Pesca poderá ter rendido quase 47 milhões!

Enquanto um dos membros do grupo lia notícias acerca do tema do blog, tropeçou neste artigo jornalístico (fruto do Diário de Aveiro) que evidencia o que muitos dizem mas poucos conseguem provar: a Ria da Aveiro é acima de tudo um ex-líbris extremamente rentável.
Estima-se que a pesca na ria de Aveiro tenha rendido cerca de 46,6 milhões de euros durante o passado ano de 2006. Segundo Senos da Fonseca, apesar desta estimativa apenas um terço foi declarado às autoridades. Esta informação foi apresentada por este engenheiro que se tem dedicado ao estudo da Ria, do sal e outros temas relacionados com a Ria, durante uma palestra ligada ao tema Sal e Telecomunicações: motores de desenvolvimento regional.
 
 

 
  
"Segundo João Senos da Fonseca, apenas sete milhões de euros foram declarados durante o primeiro semestre. Serão 14 milhões num ano, ficando cerca de dois terços por declarar.
Segundo Senos da Fonseca, os sete milhões de euros correspondem a «30 por cento do valor que se estima que tenha sido apanhado», disse. Trata-se assim de um valor «representativo da economia da Ria», conclui Senos da Fonseca. Mas os valores atingidos não identificam o potencial da Ria. Pode ser mais explorada, com outras condições. Para Senos da Fonseca, «se a Ria for bem tratada, tem outras potencialidades», admitindo assim que o rendimento possa ser superior."
Manuel Soares, secretário-geral da Associação de Pesca Artesanal da Região de Aveiro afirma que o potencial da Ria não está a ser a aproveitado de uma forma totalmente eficaz. Segundo Soares o mercado espanhol é o um destino importante da exportação das capturas na Ria de Aveiro, sendo que «o porto de Aveiro é o mais perto da capital espanhola, Madrid, com tradição de peixe fresco, consumidora de 200 mil toneladas por ano». Em suma, Soares realça que a Ria de Aveiro «é extremamente importante e a maior parte das pessoas não faz ideia do valor económico que a Ria traz para os concelhos ribeirinhos, mesmo os autarcas».
Constatando que a Ria de Aveiro apresenta um estado algo avançado de abandono e degradação e mesmo assim é capaz de produzir uns exorbitantes 47 milhões de euros.
Após alguma reflexão a questão que surge é: se a Ria de Aveiro fosse alvo de um maior investimento, qual seria o valor obtido na pesca? Vale a pena pensar...


"..." retirado de http://www.diarioaveiro.pt/main.php?id_page=172&mode=public&srvacr=pages_13&template=frontoffice 

 
Postado por riadeaveirohc às 23:02
Link do post | Comentar | Adicionar aos Favoritos
|

Mais sobre o Grupo

Questionário

free polls Acha que os últimos esforços para tornar a Ria de Aveiro rentável, têm sido suficientes ?
Claro que sim!
Acho que sim!
Julgo que nao!
Nem pensar!

casino online

Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30

Novos Comentários

História da Ria de Aveiro...

História da Ria de Aveiro...

História da Ria de Aveiro...

História da Ria de Aveiro...

Plano estratégico para a ...

História da Ria de Aveiro...

História da Ria de Aveiro...

Dois ou três meses para o...

Porto de Aveiro tem à ven...

Bicicletas aquáticas inva...

Arquivo

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

tags

todas as tags

Links

Pesquisa

 
blogs SAPO

subscrever feeds